Macondo

Passamos um tempo longe devido a alguns problemas mas estamos de volta hoje para falar sobre comida colombiana autêntica. Tivemos contato com o Macondo Raízes Colombianas, um food truck BEM legal a noite num lugar inesperado (estacionamento de supermercado perto de casa) e que não esperaria ter uma opção de comida colombiana.

O Macondo é de autoria do Jair Abril, natural de Bogotá mesmo, que está há um tempo no Brasil (casou com brasileira), fala português bem e cozinha melhor ainda. O lance da comida colombiana para mim, pessoalmente pelo menos, estava muito ligada a milho e eu não saberia listar três pratos típicos de cabeça.

Portanto, fui no que conhecia: Arepas e Empanadas (embora essa tenha na américa latina de uma maneira geral). Bem, primeira parte! Uma arepa é basicamente  uma massa de milho (no caso do Jair, ele mesmo faz do milho branco) que pode ser frita ou assada (vejam abaixo, asada na brasa com ajuda do secador de cabelo! Animal!)O recheio no nosso caso foi uma linguiça colombiana, ligeiramente temperada e muito boa mesmo! O milho para muitos não tem gosto, mas acho que ele segura bem qualquer tempero e tem uma crosta maravilhosa quando feito na grelha!

Outra coisa natural para muitos países da américa latina (Brasil incluso) é como gostamos de pimenta. Essa parte de tempero na comida colombiana era também um mistério. O Jair faz três pimentas temperadas, uma melhor que a outra. Escala 1 a 3, não necessariamente em ardência. Comi a 3 de olho fechado, extremamente saborosa!

Faltou falar das empanadas (também com massa de milho). Pedimos uma normal de carne e outra de Lechona. Sim, LEITOA. Feita desfiada com arroz dentro. Bem fritas, sequinhas e crocantes. Muito boas! A massa de milho é mais dura, mas não deixa de ser saborosa e oferecer uma textura ótima que clama por uma cerveja gelada!

Por fim, fui conversar com o Jair e tentar entender como o Macondo nasceu, a partir daqui é a opinião dele:

 

“O Macondo Raízes Colombianas nasceu da necessidade de encontrar lugares que tivessem a comida do meu país. Participei de alguns projetos de comida colombianas, que terminaram fechando as portas.

Então, tendo como exemplo as coisas boas e tendo cuidado de não cometer os mesmos erros dos anteriores projetos, tomei a decisão de abrir uma empresa que tivesse no seu cardápio a comida de rua colombiana com seus verdadeiros sabores e do jeito que é feita no meu país, focando em ser um ponto de encontro da comunidade e poder apresentar a nossa gastronomia aos brasileiros e aos estrangeiros.

Tive especial cuidado em cada detalhe, que o logo mostrasse o milho como produto principal e que te levasse numa viagem a uma casa da fazenda, que a cores do food truck fossem a cara da Colômbia, fortes e alegres e que as pessoas possam comer as arepas assadas ao carvão como é feito nas ruas do meu país.

Assim já estamos faz 2 anos e meio no mercado, contamos com 2 food trailers e realizamos serviço de cathering em empresas e escritórios”.

Sério, não é animal isso!? dado o sorriso do Jair, puxei conversa na hora com ele! Não tive chance de visitá-lo no ponto normal que ele trabalha na Rua Augusta, mas recomendo de olhos fechados. Lógico que agora estou com vontade de conhecer ao vivo a Colômbia!

Caso você tenha contato com qualquer pessoa que esteja no Brasil fazendo a sua comida local, nos avise! Já descobrimos alguns lugares de um pessoal vindo da Síria, em breve traremos para o Comida Conecta!

Comentários (0)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *